terça-feira, 31 de janeiro de 2017

7 teorias da conspiração mais assustadoras sobre os Parques da Disney

Pessoas espalhando cinzas nos lugares do Parque

Segundo publicação da abcnews, uma mulher foi encontrada atrás da atração Piratas do Caribe jogando uma substância em pó pelos arredores. Ao ser abordada pelos funcionários da atração, ela contou que estava despejando a poeira do carrinho de bebê. As teorias da conspiração especula que algumas pessoas aparecem misteriosamente nas atrações e despejam cinzas de entes queridos em locais estratégicos do parque.

Decapitações na Space Mountain

Outra teoria da conspiração seria de que a Space Mountain seria um lugar assombroso e palco de decaptações. A teoria conta do caso de um homem que se levantou, enquanto a montanha-russa estava em movimento, e cortou a cabeça. Outro caso parecido seria o de um homem que se levantou, em 1964, bateu a cabeça e acabou morrendo.


Surtos de sarampo

Um surto de sarampo atingiu o parque, em 2015, que algumas teorias apontaram que seria fruto de alguma maldição dos parques temáticos. Cerca de 39 pessoas foram infectadas. Mas os órgãos de Saúde da Califórnia confirmaram que os casos faziam parte de um surto.

Afogamentos misteriosos

Outra teoria criada foi a de que os parques da Disney eram palcos de grandes mortes por afogamentos. A especulação se deu depois do caso de afogamento de dois irmãos que se esconderam na ilha Tom Sawyer até o fechamento do parque e resolveram nadar. O corpo de um deles foi encontrado na manhã seguinte.

Os acidentes fatais com dublês

Uma outra teoria da conspiração, circulando na internet em 2005, apontou que o Parque da Disney era um grande local para mortes de dublês. Segundo publicação do jornal Correio24horas, ” um dublê da Disney, em Orlando, morreu depois de cair e bater a cabeça durante os ensaios do espetáculo “Indiana Jones”, segundo a ‘Fox News’. A morte de Anislav Varbanov, 30, pelo parque é o terceiro acidente fatal em sete semanas. A teoria ganhou força depois da morte de Anislav Varbanov.

O fantasma do monotrilho

Em 1966, um homem chamado Thomas Cleveland escalou a parede para ter acesso à pista de monotrilho, mas acabou morrendo depois de ser atingido pelo monotrilho na tentativa de fugir da equipe de segurança. A teoria da conspiração especula que existia um fantasma que rondava no monotrilho e que poderia ser ele por não ter conseguido realizar a vontade de dar uma volta no monotrilho.

 Walt Disney era suspeito de usar o Clube 33 para reuniões da maçonaria

Outra teoria da conspiração apontava que Walt Disney era um possível membro da Maçonaria em uma tentativa de estabelecer a Nova Ordem Mundial. As especulações eram de que ele usava o clube 33, um clube privado e misterioso localizado no coração da Praça de New Orleans, na seção da Disneylândia, para fazer reuniões disfarçadas de interesse da maçonaria.



Nenhum comentário:

Postar um comentário