segunda-feira, 3 de outubro de 2016

O asilo abandonado

Na Alemanha, 67 anos depois da Segunda Guerra Mundial, vários lugares e fatos sobre a guerra foram esquecidos. Ninguém conseguiu revelar alguns dos fatos esquecidos da guerra. Por isso meu trabalho é pessoalmente encontrar fatos abandonados daquela época triste.

Eu sou Andrei Wieseck Themobych, sou um agente policial que está fazendo papel de arqueólogo ou de historiador. Essa época da guerra mundial é curiosa até hoje. Mas um dos fatos que desvendamos foi a morte de Hitler. Os outros fatos são os planos secretos de Hitler e áreas que depois da guerra, foram esquecidos.

Foi por isso que achamos algumas coisas estranhas como mapas, muitos deles leva á um lugar abandonado que tem ligação com projetos secretos de Hitler, mas um mapa é de alguém que trabalhou pra Hitler, alguém chamado de Josef Mengele. Ele revelava um local secreto que só Josef sabia onde ficava.

É por isso que estou em um bosque nessa região solitária da Europa. Estou em um carro policial á procura do local que os mapas estranhos levam. O 3ª lugar á ser visitado foi o mapa de Mengele, ele levava á um asilo abandonado, que reconhecemos na hora.

O Asilo Voybech era um asilo que estava funcionando há muito tempo, mas foi fechado no fim da Segunda Guerra Mundial por uma infestação de doenças e por ter sido uma área onde refugiados e rebeldes se escondiam. Mas há boatos que o asilo era o lugar onde Josef Mengele fazia seus experimentos doidos.

Quem diria que nssa terceira viagem foi para o laboratório secreto de um cientista maluco? Agora falta achar seu corpo, que dizem que sumiu em alguma região do Brasil. Mas eu não tenho tempo a perder. Eu entrei lá com outros 3 policiais especiais e 1 investigador paranormal.

Eu estou fazendo minha busca aqui com um policial chamado Januzk Meyecky. Estamos andando aqui por este estranho asilo.

A planta do lugar é muito grande, um verdadeiro labirinto. Mas achamos alguns lugares estranhos. Como um quarto recheado de sangue, uma sala de tortura e um frigorifico com corpos em decomposição pendurados em ganchos de carne com outros ganchos de carne humana.

O asilo é cheio de salas estranhas.

O problema é que agora estamos perdidos. Nós não sabemos onde estamos pois não aparece nós 2 no GPS. O estranho foi que ouvimos um grito estranho. Voltamos a mesma sala de tortura e vimos os corpos de 2 policiais que vieram conosco. Isso é estranho, pois aquela sala estava vazia quando entramos. Fomos ao mesmo frigorifico e vimos o corpo o investigador paranormal pendurado no gancho de carne, mas ele estava mordido, sem algumas partes do corpo e coberto com condimento para carne.

Estamos com muito medo. Mas estamos andando por aí. Este lugar esta cheio de coisas e ruídos estranhos.

Ouvimos outro grito, era um grito de mulher. E nós ouvimos um rangido. Tiramos pra trás e vimos 2 coisas parecidas com humanos mutantes andando para nós. Matamos eles com um tiro.

Eles são esquisitos, tem traços humanos e traços de animais. Possuem dentes afiadissímos e garras grandes.

Fugimos deles, mas ouvimos um choro de criança, achamos uma sala com uma criança na parede, rachando ela e comendo insetos e partes do investigador paranormal. Chegamos perto dela e vivos que ela era esquissitíssima, ela tinha dentes e unhas afiadas, ela pulou pra cima de nós mas conseguimos para-lá. Amarramos ela em uma cadeira, falamos com ela mas ela só rosnava. Depois de um tempo ela falou.

Ela disse que morava no asilo e era um experimento de um homem estranho que a transformou em uma fera canibal, ele queria transforma-lá em uma fera humana. Mas ela falava coisas sem sentido. Como nossa hora chegou, seríamos atacados, nos arrenpendariamos etc, etc, etc.

Matamos ela sem querer, ela não era mais útil pra nós.

Ouvimos mais gritos assustadores, peguei minha Beretta e comecei a atirar no teto para assustar essas coisas, mas quando me virei pra trás, Januzk desapareceu misteriosamente.

As janelas se fecharam misteriosamente, mas algo avançou contra mim.

Quando acordei eu estava em um quarto escuro. Eu estava muito assustado, comecei a ouvir gritos assustadores e gemidos de dor. Estou tentando achar a saída daqui, mas não achei nada. Essas coisas estão chegando mais perto!

Preciso me esconder rápido!

Meu Deus! Eles est...

O resto do diário sumiu.

Andrei desapareceu misteriosamente. Não acharam o corpo dele, e o mapa do asilo sumiu. Ao lado do diário dele, foi encontrado uma anotação que dizia:

(Nie wieder hier! Dieser ort sollte vergessen werden. Alle, die hier eingeben, wird teuer bezahien. Wir sind die damonen, die sie sehen. Wir sind diejenigen, die im krieg gestorben, zahlen sie teuer tür das, was sie getan haben! (o resto é ilegível))

(Tradução: Nunca mais retornem aqui! Este lugar deve ser esquecido. Todos que entrarem aqui pagarão caro. Nós somos os demônios que vigiam vocês. Nós somos aqueles que morreram na guerra, vocês pagarão caro pelo que fizeram! (o resto é ilegível))

O asilo nunca mais foi achado em nenhum lugar da Alemanha.

Nenhum comentário:

Postar um comentário