sexta-feira, 12 de outubro de 2012

Homenagem ao dia das crianças

Como hoje é dias das crianças resolvi fazer um post com vários filmes de terror onde tem uma criança como protagonista, vamos lá.


O Chamado

A repórter Rachel Keller decide investigar a misteriosa morte de sua sobrinha Katy Nurick, que, segundo os médicos, morreu de parada cardiaca.
Tudo indica que sua morte está relacionada a uma sinistra fita de video que dizem ser amaldiçoada pelo espírito de uma garotinha de roupa branca e cabelos longos, pois, ao término do filme, o telefone toca e uma estranha voz anuncia a morte de quem a assiste para uma semana.
No início, pensando que se trata apenas de um boato de colégio, a repórter decide assistir a tal fita e, ao seu término, recebe o telefonema macabro.
O que antes parecia ser apenas uma lenda urbana, acabada se tornando um terror real, quando o filho da repórter, o pequeno Aidan Keller , sofrendo de insônia, encontra a fita e também a assiste.
Rachel agora tem que lutar contra o tempo, sendo que ela tem apenas os sete dias para descobrir de onde veio a fita, quem a produziu e o motivo de ela matar as pessoas que a assistem nesse curto período de tempo.
Ela vai atras da verdadeira história sobre a Samara a menina que assusta a todos,e a cada dia que se passa vai acontecendo coisas muito estranhas...

 O Sexto Sentido

Um psicólogo infantil, Malcolm Crowe, trata de um menino de nove anos que tem dificuldades de relacionamento no colégio e vive com medo do que vê. Por sua vez, procura recuperar-se do trauma sofrido um ano antes, quando um de seus pacientes se suicidou na sua frente, e ainda deu um tiro nele. Aos poucos, ele consegue conquistar a confiança do menino, que lhe conta que consegue ver pessoas mortas.
O psicólogo consegue ajudar o menino, e mostra que ele deve enfrentar o medo e conversar com os fantasmas que o amedrontam. Assim, ele percebe que os espíritos precisam de ajuda e não querem machucá-lo. Porém, o psicólogo se vê cada vez mais distante de sua esposa, e que ela estaria a ter um caso com outra pessoa. O menino lhe diz que ele deve conversar com ela quando esta estiver dormindo.

 Água Negra

Dahlia Williams (Jennifer Connelly) separou-se recentemente e está tentando começar uma vida nova, se mudando para um novo apartamento e começando a trabalhar em um novo emprego. Dahlia está decidida a pôr um ponto final no relacionamento com seu antigo marido para poder se dedicar a cuidar de Ceci (Ariel Gade), sua filha, mas a separação litigiosa se transforma em uma complicada batalha pela custódia da criança. Para piorar a situação, o apartamento para o qual elas se mudaram possui barulhos misteriosos, vazamentos constantes de uma água negra e alguns fatos estranhos, que dão margem à imaginação de Dahlia. Acreditando que está sendo vítima de um assustador jogo mental, ela tenta juntar as peças do enigma e descobrir o que está acontecendo. 

Amigo Oculto

David Callaway (Robert De Niro) é um homem que enviuvou recentemente, vivendo agora apenas com sua filha Emily (Dakota Fanning), de 9 anos. Emily cria um amigo imaginário chamado Charlie, com quem costuma brincar de esconde-esconde. Só que aos poucos Charlie se revela como alguém malvado e vingativo, o que ameaça a próprio família Callaway. 

A Orfã

Kate (Vera Farmiga) e John Coleman (Peter Sarsgaard) ficam arrasados devido a um trágico aborto. Apesar de já ter dois filhos, Daniel (Jimmy Bennett) e a surda muda Maxime (Aryana Engineer), o casal decide adotar uma criança. Durante uma visita a um orfanato, os dois se encantam pela pequena Esther (Isabelle Fuhrman) de nove anos e optam rapidamente por sua adoção. O que eles não sabiam é que estranhos acontecimentos fazem parte do histórico da menina que passa a se tornar, dia após dia, mais misteriosa. Intrigada, Kate desconfia que Esther não é quem aparenta ser, mas devido ao seu passado de alcoolismo tem dificuldades de provar sua teoria.

 O Grito 

Em Tóquio uma casa comum oculta o pavor que nela há, pois quando alguém morre em um momento de terror nasce uma maldição, que não perdoa nem esquece e faz as pessoas morrerem vitimadas por uma poderosa ira. Neste contexto surge a estudante americana Karen Davis (Sarah Michelle Gellar), que, desconhecendo a maldição, está no Japão em um intercâmbio cultural. Karen é voluntária do Centro Social de Apoio, pois isto conta crédito para sua formatura na faculdade. Ela inocentemente concorda em substituir uma assistente social que não foi trabalhar, sem saber que ela na verdade foi vítima da maldição. Karen vai até a casa amaldiçoada para cuidar de Emma Williams (Grace Zabriskie), que tem uma letargia grave associada a leve demência, o que a faz ficar dormindo quase todo o dia. Ao chegar vê Emma em um estado catatônico, enquanto o resto da casa parece estar abandonado e desordenado. Enquanto cuidava de Emma, Karen ouve estranhos sons na parte de cima da casa. Ao investigar ela se defronta com algo tão apavorante que seria incapaz de imaginar, pois dentro da casa há uma sucessão de fatos apavorantes que são o resultado de algo terrivelmente maléfico, que surgiu de forma horrenda anos atrás. Como mais pessoas morrem, Karen é envolvida no ciclo de horror e aprende o segredo da maldição vingativa, que criou raízes nesta casa. Agora ela tenta parar isto antes que seja muito tarde, mas por mais que ela aprenda sobre a maldição e suas origens a força maléfica que Karen enfrenta é algo que ela ainda não dimensionou.  

 O Orfanato

 Laura (Belén Rueda) passou os anos mais felizes de sua vida em um orfanato, onde recebeu os cuidados de uma equipe e de outros companheiros órfãos, a quem considerava como se fossem seus irmãos e irmãs verdadeiros. Agora, 30 anos depois, ela retornou ao local com seu marido Carlos (Fernando Cayo) e seu filho Simón (Roger Príncep), de 7 anos. Ela deseja restaurar e reabrir o orfanato, que está abandonado há vários anos. O local logo desperta a imaginação de Simón, que passa a criar contos fantásticos. Entretanto à medida que os contos ficam mais estranhos Laura começa a desconfiar que há algo à espreita na casa. 
Bom feriado a todos!

 

 


Nenhum comentário:

Postar um comentário